Temas - Auto Estima


Qual o seu verdadeiro valor?

Atenção, abrir em uma nova janela. PDFImprimirE-mail

Um jovem muito deprimido buscava ajuda. Lembrou-se de um professor muito sábio e foi procurá-lo. "Venho aqui, professor, porque me sinto uma grande porcaria, pois todos dizem que não sirvo para nada. O que posso fazer para que me valorizem mais?" , perguntou o rapaz. O professor disse: "Sinto muito, mas não posso te ajudar. Devo primeiro resolver meu próprio problema". E fazendo uma pausa continuou: "Se você se comprometer a me auxiliar na resolução de meu problema talvez, possa te ajudar depois". O jovem aceitou o desafio. O professor tirou um anel que usava no dedo, entregou ao garoto e pediu: "Vá até o mercado. Você deve vender esse anel porque tenho que pagar uma dívida urgente. Lembre-se que preciso que obtenha pelo anel o máximo possível, mas não aceite menos que uma moeda de ouro”. O rapaz pegou o anel e partiu. Mal chegou ao mercado e começou a oferecer o anel aos mercadores. Eles olhavam com algum interesse, até o jovem dizer o quanto pretendia pelo anel. Ao mencionar uma moeda de ouro, alguns riam, outros saiam sem ao menos olhar para ele. Chegaram a oferecer uma moeda de prata e uma xícara de cobre, mas o jovem seguia as instruções de não aceitar menos que uma moeda de ouro. Abatido pelo fracasso, montou no cavalo, retornou e choramingou com o professor: "Sinto muito, mas é impossível conseguir o que me pediu. Talvez pudesse conseguir duas ou três moedas de prata". O professor rebateu: "Importante o que me disse meu jovem. Devemos saber, primeiro, o valor do anel. Volte a montar no cavalo e vá até o joalheiro. Quem melhor para saber o valor exato do anel? Diga que quer vender o anel e pergunte quanto ele te dá por ele. Mas não importa o quanto ele te ofereça, não o venda. Volte aqui com meu anel”. O jovem foi até o joalheiro e lhe deu o anel para examinar. O joalheiro analisou a peça e disse: "Diga ao seu professor, que não posso dar mais que 58 moedas de ouro"." O quê? O senhor ofereceu 58 moedas de ouro?", indagou o jovem. E o joalheiro confirmou: "Sim, como a venda é urgente posso oferecer as 58 moedas de ouro. Se tivesse mais tempo poderia te oferecer 70 moedas”. O jovem correu emocionado a casa do professor para contar o que ocorreu. O professor ouviu o relato e concluiu: "Você é como esse anel, uma jóia valiosa e única. E que só pode ser avaliada por um especialista. Você pensa que qualquer um pode descobrir o seu verdadeiro valor? Você, meu amigo, deve descobrir primeiro qual o seu verdadeiro valor e jamais de importância para a avaliação feita pelos outros. Quanto mais você se valorizar, mais os outros valorizarão você".

Um valente samurai foi visitar seu Mestre, mas ao vê-lo sentiu-se repentinamente inferior. Ele então disse ao sábio: "Por que estou me sentindo abatido? Apenas um momento atrás, tudo estava bem. Quando aqui entrei, subitamente me senti inferior ao senhor. O Mestre o levou para fora "Olhe para estas duas árvores: a árvore alta e a árvore pequena ao seu lado. Ambas estiveram juntas ao lado de minha janela durante anos e nunca houve problema algum. A árvore menor jamais disse à maior - Por que me sinto inferior diante de você? Esta árvore é pequena e aquela é grande, este é o fato, e nunca ouvi sussurro algum sobre isso”. O samurai então argumentou: "Isto se dá porque elas não podem se comparar" E o Mestre replicou:"Você acaba de descobrir a resposta. Quando você não compara, toda a inferioridade e superioridade desaparecem. Uma folhinha da relva é tão necessária quanto a maior das estrelas. O canto de um pássaro é tão necessário quanto qualquer Buda, pois o mundo será menos rico se este canto desaparecer. Simplesmente olhe à sua volta. Tudo é necessário e tudo se encaixa. Ninguém é mais alto ou mais baixo, ninguém é superior ou inferior. Cada um é incomparavelmente único. Você é necessário e basta. Na Natureza, tamanho não é diferença. Tudo é expressão igual de vida".

Comentários 

 
+1 #9 25/02/2012 13:19
Amei!
Citação
 
 
+1 #8 24/02/2012 22:58
eu adoro suas mensagens suas palavras acompanho em seus comentarios semple que posso, e cada vez aprendo um pouco com voçe.obrigado.
Citação
 
 
+1 #7 31/01/2012 00:33
Conduta dos pais, caminho dos filhos!!
Citação
 
 
+2 #6 31/01/2012 00:33
Conduta dos pais, caminho dos filhos!!!
Citação
 
 
+1 #5 01/11/2011 11:30
Caro Jorge,eu consigo não me comparar que aos outros, acho que cada um é um e sigo assim. Mas nâo consigo mudar o que vai na cabeça dos outros,que sentem pela gente ora inferioridade ora superioridade,o que traz inveja e despeito. Não sei me defender disso e sofro muito,passo até mal.Acho que o que falta é empatia,se colocar no lugar do outro e saber até onde cada um pode ir e o que pode dar - mas isso raramente ocorre. Ler você sempre me faz muito bem,obrigada por escrever.Beijos
Citação
 
 
+1 #4 25/09/2011 12:47
Caro Amigo, Dr.jorge Lordello, hoje trabalho em Recife -PE, mas continuo lendo suas crônicas nos meus DDS para os colaboradores e tenha certeza que uma sementinha está sendo plantada nos nossos corações, e aos poucos estão ocorrendo mudanças de comportamento positivas, Parabéns pelo teu trabalho, eu tive o previlégio fe participar de uma Palestra sua e é Show de Bola..;.Sucesso e um forte abraço
Citação
 
 
+2 #3 06/09/2011 13:04
Todas as pessoas tem seu lugar e importancia na vida. Lendo esta crônica, Lembrei qdo trabalhava numa instituição financeira e como sempre alguém quer lhe puxar o tapete.Então recorri ao chefe maioral e expus a situação e embora tendo uma função bem abaixo, me igualei a eles mostrando ser necessária.Eu era uma pequena peça da grande engrenagem, sem ela, nao funcionaria.Poderia ser substituida? Poderia, mas tinha convicção que estava em perfeito uso.
E continuei por muitos anos até me aposentar.Se vc procura sempre fazer o melhor, não se abata com julgamentos.
Citação
 
 
+2 #2 17/08/2011 00:27
Nossa eu precisava muito destas palavras, obrigada Dr por ser esta pessoa maravilhosa e especial....
ja passei pelo fogo da depressao, da sindromke do panico, das perdas familiares... mas sei que preciso aprender muito ainda!
obrigada! que Deus o abencoe. amem.
beijos
Citação
 
 
+1 #1 08/08/2011 21:40
Segundo o dito popular que diz que cada um vale o que tem, EU NAO VALHO NADA rsss,brincadeir inha querido. Eu adorei.
Citação
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar